Mike Tyson conta como foi trabalhar com Madonna na música ICONIC

A revista Rolling Stone entrevistou Mike Tyson e revelou curiosidades sobre sua participação na canção Iconic do novo álbum Rebel Heart, que também conta com Chance the Rapper. E revela que ainda não ouviu a versão final da música.

“Quando a Madonna te liga e pede para ir a algum lugar, você vai!”, Tyson diz. “Eu não sabia que diabos eu estava indo pra lá. Estava apenas saindo com Madonna e me divertindo. Ela estava com seu produtor e eu fui para o estúdio e não sabia se ela queria que eu falasse ou cantasse rap. Fui e comecei a falar. Fiquei falando da minha vida e das coisas que tenho sofrido. Falei coisas bem pesadas, foi muito intenso.”

Ele revela que a gravação foi feita numa única vez e que se inspirou num ícone improvável. “Quando eu gravei, pensei em como deveria ser ter a cabeça de alguém como o político Benito Mussolini e ele era muito arrogante, mas tentei ver de uma perspectiva positiva e ser edificante. Você assiste Mussolini na televisão – mesmo que nós não entendemos o que ele está dizendo – e ele é tão hipnotizante. Eu olho para mim dessa maneira.”

Mike Tyson revela que o primeiro encontro que teve com Madonna foi em 1988, ele com sua esposa Robin Givens e Madonna com Sean Penn, e que certa vez foram ver juntos um filme de Pee-wee Herman e Tyson e Penn caíram no sono e que as duas assim ficaram mais amigas.

“Madonna é uma pessoa incrível, serena. Ela está tentando fazer algo que, desde o início dos tempos tem sido a coisa mais difícil de fazer: salvar o mundo. Ela é uma lutadora em todos os sentidos no mundo e numa perspectiva intergalática”, diz ele gargalhando.

Ele também comentou sobre o roubo das canções inacabadas da Madonna. “É uma invasão de privacidade. É totalmente contraproducente sobre o que a nossa constituição diz. Mas eu não estou em posição de julgar alguém assim, mas o que acontece com ele não deve ser algo bom.”

Tyson diz também que trabalhar numa música com Madonna e em 2011 na faixa “One Night in Bangkok”, não quer dizer uma nova profissão pro futuro mas não descarta.

“Fazer essa música com a Madonna me faz pensar que esta carreira musical poderia realmente acontecer. A maioria dos caras vão lá pra beber, fumar. Eu apenas fui e gravei de uma vez. Todo mundo dizia que era legal”, diz Tyson.

Abaixo, a foto que Madonna divulgou em seu Instagram no dia da gravação:

madonna_miketyson

mike-tyson-tongue-2011