Madonna escreve carta em homenagem a David Bowie

Eu estou devastada.
O David Bowie mudou a trajetória da minha vida para sempre.
Eu nunca senti que me encaixava em Michigan quando era adolescente. Era uma esquisita. Fui vê-lo num show na Cobo Arena em Detroit. Foi o primeirio show a que assisti na vida. Saí escondida de casa com um amiga usando uma capa. Fomos pegas depois. Mas nem liguei de ficar de castigo no verão. Eu já tinha muitos de seus discos e estava inspirada pela forma como ele brincava com os gêneros.
Era, ao mesmo tempo, masculino e feminino.
Engraçado e sério.
Inteligente e sábio.
Suas letras eram irônicas e misteriosas.
Naquela época, ele encarnava o Thin White Duke e tinha artistas no palco que faziam umas coreografias bem específicas. E, então, eu vi como ele criava uma persona e a usava de diferentes formas para criar entretenimento dentro do rock. Ele foi tão inspirador e inovador. Único e provocante. Um verdadeiro gênio.
Sua música sempre foi muito inspiradora para mim, mas vê-lo ao vivo me levou a uma jornada que espero nunca terminar.
Suas fotografias estão penduradas por toda a minha casa hoje.
Ele era tão chique, elegante e bonito.
Tão à frente de seu tempo.
Obrigada, David Bowie.
Eu devo muito a você.
O mundo vai sentir muito a sua falta.
com amor,
M

UPDATE: Madonna cantou a canção Rebel Rebel no sho em Houston em homenagem ao Bowie. Confira.

mad-bowie3