Rádio no Texas proíbe músicas da Madonna

O patriotismo americano dos pró-Trump chegou à Madonna. Depois dela participar da Marcha das Mulheres em Washington na semana passada, xingar e dizer que ficou indignada com a eleição de Donald Trump, a rádio HITS 105 decidiu banir suas canções.

“Banir todas as músicas e Madonna não é uma questão política, mas patriota”, disse Terry Tomas, gerente geral da estação de rádio. “É errado pagar direitos para uma artista que tem uma atitude não-americana. Se todas as rádios fizerem isso, vai mandar uma grande mensagem econômica para Madonna”, completou.

Em frente a uma multidão de mais e 500 mil pessoas, Madonna afirmou ter tido vontade de “explodir a Casa Branca” além de mandar Trump “chupar um pau”.

No Instagram, ela explicou que as pessoas não deveriam levar o discurso de forma literal e que a intenção é que os norte-americanos não devem se aquietar diante da eleição de uma pessoa tão polêmica e conservadora quanto Trump.

Veja o que ela escreveu:
“Participar do comício foi uma bela e incrível experiência. Eu fui e cantei Express Yourself. No entanto, eu quero esclarecer algumas coisas muito importantes. Eu não sou uma pessoa violenta, eu não promovo a violência e é importante que as pessoas ouçam e entendam meu discurso em sua totalidade ao invés de uma frase tomada fora do contexto.

Meu discurso começou com “Eu quero começar uma revolução do amor.” Eu continuo aproveitando esta oportunidade para encorajar as mulheres e todas as pessoas marginalizadas a não cair no desespero, mas sim, a unir-se e usá-lo como ponto de partida para a unidade e para criar mudanças positivas no mundo.

Eu falei em metáfora e compartilhei duas maneiras de olhar as coisas – uma era ser esperançosa, e uma era sentir raiva e estar ofendida, que eu pessoalmente senti. No entanto, eu sei que agir com raiva não resolve nada. E a única maneira de mudar as coisas para melhor é fazê-la com amor. Foi realmente uma honra fazer parte de uma audiência cantando “nós escolhemos o amor”. 🇺🇸♥️🇺🇸 #revoltutionoflove♥️#revolutionoflove♥️”

Além disso, Madonna tem sido alvo no Instagram de comentário raivosos de pessoas a favor de Donald Trump, e ela decidiu restringir o acesso a sua conta na rede social.