Hino EXPRESS YOURSELF completa 28 anos

C’mon Girls! Do you believe in love?
Foi há 28 anos que Madonna lançava ao mundo o hino Express Yourself, uma de suas canções mais importantes. Foi co-escrita e co-produzida por Madonna e Stephen Bray para o álbum Like a Prayer e fala sobre rejeitar os prazeres materiais e apenas aceitar o melhor para si mesmo. É um hino à liberdade, encorajamento e empoderamento para as mulheres e todas as minorias oprimidas.

“A principal mensagem da canção é que se você não se expressa, se você não diz o que quer, então não vai conseguir nada. E na verdade, você está preso por sua incapacidade de dizer o que você sente ou ir atrás do que você quer. Não importa como no controle você acha que está. As pessoas sempre devem dizer o que querem. Eu escrevi “Express Yourself” para dizer às mulheres ao redor do mundo a escolher o melhor para si mesmo, antes que alguém te pressione a fazer algo, você que deve decidir. Os homens podem expressar o que querem e essa mesma prerrogativa deve valer para uma mulher.”, disse Madonna em 1989 na revista Interview.

“Express Yourself é um alerta feminista completo com uma voz poderosa. Aqui Madonna é a menina anti-materialismo, exortando o público feminino a se respeitar. Isso significa ter um homem que ama a sua cabeça e seu coração. Se ele não tratá-la direito (e aqui está a retórica revolucionária) você estará melhor sozinha. Como uma pregadora, Madonna enfatiza cada palavra do coro, invocando Deus e o poder do orgasmo.”, escreveu Lucy O’Brien na biografia sobre Madonna.

Madonna disse na época que a canção é também sua homenagem ao grupo Sly and the Family Stone.

A canção chegou a 2ª posição no Hot 100 da Billboard. Ganhou certificado de ouro por vender mais de 500 mil cópias nos EUA. No Reino Unido chegou à 5ª posição e vendeu mais de 200 mil cópias.

O video foi o mais caro já produzido em sua carreira até então e foi eleito pela Forbes como o segundo clipe mais caro da história da música, com custo atualizado hoje em US$9.4 milhões. Dirigido pelo renomado cineasta David Fischer foi inspirado no filme Metropolis, e Madonna usa o seu poder feminino para escolher um amado entre os trabalhadores-escravos em cenários e figurinos exuberantes. No final, a mensagem que também faz parte do filme: “Sem o coração, não pode haver entendimento entre a mão e a mente”. Ela contou na época como foi o processo de criação:

“Este foi o video em que eu tive a maior participação nas ideias. Eu supervisionava tudo, a construção dos cenários, o figurino de todos, eu tive reuniões sobre maquiagem, cabelo, o diretor de fotografia, com todo mundo. A seleção dos figurantes, achar o gato certo pra cena, a ideia do filme Metropolis – eu definitivamente queria ter essa influência, de olhar para todos os homens, os trabalhadores, diligente. A idéia de David Fischer para o gato e eu fazer a cena igual, como, lamber o leite e depois despejá-lo… é ótimo, mas acredite em mim, eu lutei contra isso. Eu não queria fazer, eu pensei que era tão bobo e meio clichê, mas fiquei feliz por eu ter cedido. A cena ficou linda.”

Ganhou os prêmios de Melhor Fotografia, Melhor Direção e Melhor Direção de Arte no MTV VMA de 1989. Na Billboard Awards, ganhou como Melhor Video do Ano. A revista Rolling Stone o lista no Top 10 entre os 100 Melhores Videos da História. A revista Time o elegeu em oitava posição como os 30 Melhores Videos da Música. Esse vídeo faz parte das coletâneas em DVD Celebration e The Immaculate Collection.

Ao vivo, Madonna apresentou a canção no MTV VMA de 1989 ao lado e suas backing vocals. Em turnê, foi a abertura da Blond Ambition, 1990, surgiu mais poderosa e animada ainda no The Girlie Show, 1993, e como guerrilheira na Re-Invention Tour, 2004. Na apresentação do Superbowl, trecho da canção é apresentada na parte com Cee Loo Green. Em 2012, fez parte da MDNA Tour, numa versão que misturava com a letra de Born This Way, da Lady Gaga, pegando carona na polêmica de que as canções são parecidas. Madonna também apresentou a canção no mini-show Tears of a Clown em Miami, em Dezembro de 2016. Em campanha à Hillary Clinton, fez um show surpresa na rua em NY e também cantou a canção.

Em 2011, a similaridade com a canção Born This Way, da Lady Gaga, foi o assunto que dominou o planeta. Madonna disse em entrevista à ABC que a música “era muito familiar” e foi uma troca de alfinetada entre as popstars e fãs por meses. Gaga, falou em entrevista a Jay Leno que havia recebido um email da equipe da Madonna autorizando a música mas foi desmentida pela assessora da Madonna dias depois. Acusada de plágio, Gaga falou também na revista NME:

“Se você comparar as músicas, vai perceber que a única semelhança é a progressão das notas, algo que existe há 50 anos na ‘disco music’. Só porque eu sou a primeira em 25 anos a colocar o ritmo de volta ao Top 40 das rádios, não significa que sou plagiadora, significa que sou esperta, desculpe.”

Dias depois, ela voltou atrás e pediu desculpas se as palavras ditas ofenderam alguém.

“Eu considero que parte do meu trabalho na vida e na música é aumentar os limites do amor e da aceitação. As minhas desculpas por ter falado sem pensar. A todos os que eu magoei, por favor percebam que foi sem intenção. Um erro honesto requer honestidade. Sejam quais forem os problemas da vida que vos fazem ser gozados, por favor amem-se a vocês próprios hoje.”

Referências de Express Yourself foram utilizadas no video de Not Myself Tonight de Christina Aguilera.“É um dos meus videos favoritos, é forte e traz o empoderamento que eu sempre tento incorporar através de minha expressão da sexualidade. Eu amo a referência direta da Madonna que fiz na cena dos olhos e com a escada. Estou fazendo uma homenagem a essa forte mulher que abriu o caminho antes de todas.”, disse Aguilera na época.

A canção teve teve releitura pelo seriado Glee e um cover de Ariana Grande.

UPDATE: E vinte e oito anos depois, vaza a demo de Express Yourself, cuja gravação diz ter sido em 18/10/1988:

Confira o videos:

Apresentação no MTV Video Music Awards 1989

Abertura da Blond Ambition, 1990

The Girlie Show, 1993

Re-Invention Tour, 2004

MDNA Tour, 2012

Tears Of a Clown, 2016 (exatos 1:00:24)

Campanha por Hillary Clinton, 2016

Covers
GLEE

Ariana Grande

expressyourself1

expressyourself2

Capa do single:expressyourself3

Single edição limitada: