» Ano: 2003
» Lançamento: 22/04/2003
» Produtores: Madonna, Mirwais e outros
» Vendas: 4 milhões (+)

01. American Life
02. Hollywood
03. I'm So Stupid
04. Love Profusion
05. Nobody Knows Me
06. Nothing Fails
07. Intervention
08. X-Static Process
09. Mother and Father
10. Die Another Day
11. Easy Ride





Platina (1 milhão de
Unidades EUA)



01-08-15-26-49-51-72-
93-89-103-125-139-150





Edição limitada contendo selos e pôster


 cifras
 charts
 letras
 videos


Ela está decadente. Ela não vende mais. Ela só produz factóides. Ela vive de marketing. Ela agora é téquino . Ela está velha. Ela amarelou. Ela não é patriótica. Ela é feiosa e tem mau hálito.

Tirando esta última afirmação, que era só o que faltava, todo o resto foi dito (em vão) sobre Madonna nas últimas semanas. A razão de tanto agito foi a chegada do seu novo disco, "American life", puxado pelo vídeo "polêmico" no qual ela remava contra a maré dos soldadinhos de chumbo e dava a entender que guerra é coisa de mané (no caso, George W. Bush).

Pois bem. A guerra (ou sua primeira parte) está acabando, entre muitos mortos e feridos. E "American life", que é bom e pacífico, chega deixando baixas apenas entre os falcões que querem tirar Madonna do poder à força.

Não dá. Madonna não é uma estátua em Bagdá, que pode ser laçada e colocada abaixo facilmente. A razão é simples: diferentemente das novas estrelinhas no ar — Pink, Avril, Britney etc — clonadas em laboratório e desprovidas de alma, Madonna tem raízes fortes e extensas. E, como comprova "American life", nunca se afastou delas e se perdeu por aí.

A verdade é que Madonna não é a rainha do pop, como se supõe. Ela é, isso sim, o maior nome do underground do planeta, em todos os tempos. Seu berço foi uma pista de dança entre Detroit e Nova York. E seu crescimento se deu em um ambiente "maldito" — latino, negro, gay, hedonista — que, apesar de reprimido e atacado com preconceitos, foi o mesmo que floresceu e gerou toda a cultura dance (ou eletrônica) que conhecemos até hoje. E que continua reprimida e vítima de preconceitos.

A produção do CD é do DJ francês Mirwais

"American life" não traz Madonna longe do seu habitat. O disco tem a mesma levada serena, reflexiva e sutilmente dançante dos dois últimos, "Ray of Light" e "Music". Ao seu lado, está o DJ e produtor francês Mirwais, que já estava lá em "Music". Então Madonna agora é "téquino" e anda com DJs? Mas como agora, se seu primeiro single, "Everybody"(1982), foi produzido por um DJ, um tal Mark Kamins, o mesmo que arrumou o seu primeiro contrato?

"American life" não vai ser o disco com o qual Madonna vai enfrentar o exército das Britneys. Aos 44 anos, ela está em outra. Distante, morando na moderna e cool Londres, a ex-garota material vê a artificialidade de Hollywood com outros olhos na faixa homônima. "Como um lugar tão belo pode machucar tanto?", canta ela, tendo ao fundo a fina tapeçaria eletrônica criada por Mirwais. Os instrumentos dispostos em camadas. E a voz, ora seca, ora filtrada (como é característico do moderno som francês, do Daft Punk ao Cassius).

A autocrítica segue em "I'm so stupid" ("Vivia num sonho confuso/Queria ser como as pessoas legais/Mas tenho certeza/De que fui estúpida"). Na doce balada "Nothing fails", ela surpreende e confunde ao dizer: "Não sou religiosa/Mas me sinto tentada a rezar".

É claro que o CD não fica por aqui. Essa é apenas a fase um. Vêm aí os vídeos, que transformarão as músicas em pérolas pop, incrustadas no inconsciente coletivo.

Em suma: não, Madonna não está decadente, nem vive de marketing. Ela comanda o marketing. Não, ela não virou "téquino". Sempre foi. Sim, está ficando velha, como todos nós. Não, ela não amarelou. Fez o mundo discutir a guerra. Quanto ao mau hálito, perguntem a Guy Ritchie. Que, aliás, poderia pedir à patroa para não atuar mais em filmes ruins. Como os dele.

por Carlos Albuquerque.



     
AMERICAN LIFE
LANÇAMENTO: abril/2003

Billboard Singles Charts - EUA
Melhor posição: #37
Semanas na parada: #8

Top 40 Singles Charts - UK
Melhor posição: #2
Semanas na parada: #5


VERSÕES:
American Life (Radio Edit)
American Life (Radio Edit without Rap)
American Life (Headcleanr Rock Mix)
American Life (Felix Da Housecat Radio Edit)
American Life (Felix Da Housecat Radio Edit without Rap)*
American Life (Felix Da Housecat's Devin Dazzle Club Mix)
American Life (Layo & Bushwacka Remix)**
American Life (Peter Rauhofer Radio Edit)*
American Life (Peter Rauhofer's American Anthem Part 1)
American Life (Peter Rauhofer's American Anthem Part 2)*
American Life (Oakenfold Downtempo Remix)
American Life (Oakenfold Radio Edit)
American Life (Oakenfold Radio Edit without Rap)*
American Life (Missy Elliott American Dream Remix)
American Life (Missy Elliott American Dream Clean Edit)*
American Life (Missy Elliott American Dream Instrumental Remix

* Remixes Promocionais
** Não lançado

 

  
HOLLYWOOD
LANÇAMENTO: julho/2003

Billboard Singles Charts - EUA
Melhor posição: não entrou
Semanas na parada: não entrou

Top 40 Singles Charts - UK
Melhor posição: #2
Semanas na parada: #4


VERSÕES:
Hollywood (Radio Edit)
Hollywood (Blow-Up Mix)**
Hollywood (Calderone & Quayle Glam Mix)
Hollywood (Calderone & Quayle Glam Dub)*
Hollywood (Calderone & Quayle Edit)
Hollywood (Calderone & Quayle Radio Mix)
Hollywood (Deepsky's Home Sweet Home Vocal Remix)
Hollywood (Deepsky's Home Sweet Home Dub)*
Hollywood (Deepsky's Home Sweet Home Edit)
Hollywood (Jacques Lu Cont's Thin White Duck Mix)
Hollywood (Jacques Lu Cont's Thin White Duck Radio Edit)*
Hollywood (Oakenfold 12" Full Remix)
Hollywood (Oakenfold 12" Edit)*
Hollywood (Oakenfold 12" Dub)*
Hollywood (Oakenfold 7" Remix)
Hollywood (Sander Kleinenberg Remix)**
Hollywood (Sander Kleinenberg Edit)**
Hollywood (The Micronauts Remix)
Hollywood (The Micronauts Instrumental)
Hollywood (The Micronauts Remix Edit)

* Remixes Promocionais
** Não lançado

 

     
LOVE PROFUSION
LANÇAMENTO: novembro/2003 (UK), março/2004 (USA)

Billboard Singles Charts - EUA
Melhor posição: não entrou
Semanas na parada: não entrou

Top 40 Singles Charts - UK
Melhor posição: #11
Semanas na parada: #3


VERSÕES:
Love Profusion (Radio Edit)*
Love Profusion (Blow-Up Mix)
Love Profusion (Craig J's Good Vibe Mix)
Love Profusion (Headcleaner Rock Mix)
Love Profusion (Ralphi Rosario House Vocal)
Love Profusion (Ralphi Rosario House Vocal - Extended)*
Love Profusion (Ralphi Rosario Big Room Vox)
Love Profusion (Ralphi Rosario Big Room Vox - Extended)*
Love Profusion (Ralphi Rosario Big Room Dub)*
Love Profusion (Ralphi Rosario Hard Vox)**
Love Profusion (The Passengerz Club)
Love Profusion (The Passengerz Dub)*
Love Profusion (The Passengerz Hell's Kitchen Edit)*
Love Profusion (The Passengerz Hell's Kitchen Mix)**

* Remixes Promocionais
** Não lançado

 


NOTHING FAILS
LANÇAMENTO: novembro/2003 (Europa), dezembro/2003 (EUA)

Billboard Singles Charts - EUA
Melhor posição: não entrou
Semanas na parada: não entrou

Top 40 Singles Charts - UK
Melhor posição: #42
Semanas na parada:
#9

VERSÕES:
Nothing Fails (Radio Edit)*
Nothing Fails (Radio Remix)
Nothing Fails (Jackie's In Love In The Club)
Nothing Fails (Jackie's In Love In The Club Dub)*
Nothing Fails (Nevins Big Room Rock Mix)
Nothing Fails (Nevins Global Dub)
Nothing Fails (Nevins Radio Mix)
Nothing Fails (Nevins Mix)*
Nothing Fails (Peter Rauhofer's Classic House Mix)
Nothing Fails (Peter Rauhofer's Lost In Space Mix)
Nothing Fails (Tracy Young's Underground Mix)
Nothing Fails (Tracy Young's Underground Dub)*

* Remixes Promocionais


  
DIE ANOTHER DAY
LANÇAMENTO: junho/2002

Billboard Singles Charts - EUA
Melhor posição: #8
Semanas na parada: #4

Top 40 Singles Charts - UK
Melhor posição: #3
Semanas na parada: #10


VERSÕES:
Die Another Day (Radio Edit)*
Die Another Day (Brother Brown's Bond-Age Club)
Die Another Day (Brother Brown's Radio Edit)*
Die Another Day (Brother Brown's Bond-Age Dub)*
Die Another Day (Calderone & Quayle Afterlife Mix)
Die Another Day (Calderone & Quayle Afterlife Dub)*
Die Another Day (Deepsky Remix)
Die Another Day (Deepsky Radio Edit)*
Die Another Day (Deepsky Dub)*
Die Another Day (Dirty Vegas Main Mix)
Die Another Day (Dirty Vegas Radio Edit)
Die Another Day (Dirty Vegas Dub)
Die Another Day (Richard Humpty Vission Electrofried Mix)
Die Another Day (Richard Humpty Vission Radio Edit)*
Die Another Day (Roger Sanchez Tribal Mix)**
Die Another Day (Thee RetroLectro Mix)
Die Another Day (Thee RetroLectro Radio Edit)
Die Another Day (Thee Die Another Dub)
Die Another Day (Thunderpuss Club Mix)
Die Another Day (Thunderpuss Radio Mix)

* Remixes Promocionais



INTO THE HOLLYWOOD GROOVE
LANÇAMENTO: agosto/2003

VERSÃO PRODUZIDA PARA A CAMPANHA DA GRIFE GAP, COM BASE NA CANÇÃO "HOLLYWOOD" e "INTO THE GROOVE".

VERSÕES:
Into the Hollywood Groove (Short Version)
Into the Hollywood Groove (Long Version)
Into the Hollywood Groove (The Passengerz Mix)
Into the Hollywood Groove (Peter Rauhofer Mix)**

** Não lançado

 


NOBODY KNOWS ME
LANÇAMENTO: outubro/2003

ITEM PROMOCIONAL APENAS PARA CLUBs AMERICANOS

Billboard Singles Charts - EUA
Melhor posição: #4

Semanas na parada: #14

VERSÕES:
Nobody Knows Me (Above & Beyond 12" Mix)
Nobody Knows Me (Peter Rauhofer's Private Life Part 1)
Nobody Knows Me (Mount Sims Italo Kiss Mix)
Nobody Knows Me (Mount Sims Old School Mix)

 


MOTHER AND FATHER
LANÇAMENTO: março/2005

Billboard Hot Dance Music / Club Play - EUA
Melhor posição: #10
Semanas na parada: #6

VERSÃO:
Mother & Father (Peter's Re-invention Remix)


VERSÃO:
Mother & Father (Blow Up Mix)**
Mother & Father (Johnny Rocks World Anthem Club Mix )**
Mother & Father (Johnny Rocks World Anthem Radio Edit)**

** Não lançado

 


X-STATIC PROCESS

VERSÃO:
X-Static Process (Exhibition Remix)
X-Static Process (Stuart Price Version)**

** Não lançado

 


EASY RIDE
LANÇAMENTO: agosto/2005

LANÇAMENTO EXCLUSIVO NA COLETÂNEA DE TRACY YOUNG


VERSÃO:
Easy Ride (Tracy Young/Cappai Remix)

 




» Décimo álbum de estúdio gravado por Madonna.

» A capa do CD é uma clara referência a Che Guevara, que segundo Madonna "reflete seu espírito revolucionário".

» Madonna cancelou o clipe de 'American Life' alegando respeito as tropas da Guerra do Iraque. Em troca foi hostilizada pelos americanos, que armaram um gigantesco boicote contra o CD.

» 'American Life' possui referências da Cabala em todas as suas letras.

» O single digital de 'American Life' foi vendido na internet, lançando um novo formato que quebrou recordes. A canção estreou na Billboard com uma semana de antecedência em #90. A controvérsia gerada pelo cancelamento do clipe influenciou diretamente na performance da parada da Billboard. 'American Life' é o single de estréia de Madonna com a pior performance em toda sua carreira.

» O mundo recebeu 'Hollywood' muitíssimo bem. A canção foi Top 10 nos principais mercados internacinais, como a Europa, em que ficou durante 3 semanas no #1, porém foi um desastre nos Estados Unidos, onde sequer entrou no top 100 da Billboard.

» Madonna foi escalada para compor a trilha do 20° filme de James Bond que comemorou os 40 anos da personagem. A faixa, composta com Mirwais, tem forte acento eletrônico e violinos clássicos que formam uma incrível base sonora. A canção, com fortes referencias da Cabala, fala sobre a destruição do ego e dos limites que nós mesmos nos impomos. Foi indicada ao Globo de Ouro 2003 na categoria "Melhor Canção Original".

» Madonna uniu forças a outro ícone pop da nova geração, Britney Spears. O resultado foi a fraca canção 'Me Against The Music', faixa do quarto álbum de Spears.

» Madonna roubou a cena na entrega da 20ª edição do Vídeo Music Awards da MTV. Em uma apresentação antológica, inspirada em sua própria apresentação de 'Like A Virgin' no mesmo evento, em 1984. Madonna surgiu de um bolo e 'casou-se' com Christina Aguilera e Britney Spears. a 'união' foi selada com um beijo, que sem dúvida foi o grande momento musical de 2003.

» 2003 foi sem dúvida o 'Ano Dance' de Madonna. Quase todos os singles lançados para os DJ´s atingiram o primeiro posto nas paradas dance. No fim do ano, Madonna chegou a ter 3 singles dominando os clubes noturnos de uma só vez.

» Para conseguir um maior sucesso com o fracasso comercial de 'American Life', foi produzido um mini-álbum (EP) de remixes: Remixed & Revisited, contendo 6 canções do álbum remixadas e ainda a inédita 'Get Into The Groove' da campanha da Gap e a versão de 'Hollywood', do MTV Video Music Awards.

» Foi previsto o lançamento de um novo álbum com remixes inéditos. Muito se falou, porém até hoje nada foi lançado, apesar de existir alguns remixes prontos.

» Foram usadas diferentes técnicas para criar os melhores efeitos no álbum. Em ‘I'm So Stupid’ os vocais começam calmamente, então foi congelada uma sílaba cantada por Madonna com o uso da única máquina capaz de produzir esse efeito, o Roland VP-9000. Não foi um loop, o trecho foi congelado quando ela diz 'Ahhhhhhhhhh'. É uma faixa modificada de forma suave, que soa natural, porém foi produzinda de modo totalmente não natural.

» ‘Hollywood’: Mirwais revelou que essa canção é uma das mais velhas de sua parceria com Madonna. "Nunca conseguíamos produzir algo interessante com a versão original, até que Madonna criou uma melodia alternativa. Usei programação com baterias muito minimalistas, que tinham elementos de percurssão antigos, que encontrei em um banco de samples da E-Mu. Então peguei o loop e adicionei com a programação básica de baterias para que soasse um pouco mais 'disco'. Tive que usar trechos menores porque queria que os sons mais graves fossem grandiosos. Esses sons mais graves, os baixos, são Nord Lead Rack 2 com muitos filtros manipulados por mim. Quando comecei a usar esses filtros, percebi que era bem complicado dar início ao processo. Tive que encontrar o tom certo usando uma freqüencia do Yamaha O2R mixer. Os vocais foram gravados com a ajuda de um headphone de alta compressão, que ajudaram Madonna a encontrar o tom certo para a performance. Experimentamos muitos padrões vocais. Por exemplo, a intensidade dos versos finais eram bem maiores. Observamos que estava muito agressiva, com muitos elementos. Então optamos pela versão que todos conhecem, bem mais simples", revela o produtor.

» Aparentemente mais de 7 músicas sairam fora do tracklisting final:

- "Mind Trapper"
- "Bad Nature"
- "Ejector (ou My Ejector)"
- "Adverse Youth"
- 'Forbidden Fruit'


» 'Nothing Fails' possui 2 versões, não aprovadas, assim como 'X-static Process'. Para ambas a opção foi pelo formato acústico.

» A porta-voz de Madonna revelou que o álbum originalmente era bem mais dance do que acústico. As músicas foram cortadas porque se pareciam com outras já existentes no mesmo CD.

» "Adverse Youth" era uma balada, enquanto "My Ejector" seguia a linha agressiva de "American LIfe".

»Foram gravadas muitas canções para o álbum, algumas músicas estão totalmente diferentes das versões originais.

» 'X-Static Process' era originalmente similiar a 'Impressive Instant'.

» Madonna mudou radicalmente a estrutura de algumas canções que fecham 'American Life.

'Intervention'
foi composta para o álbum 'Music', mas sofreu mudanças na letra e estrutura. A música que os críticos chamam de 'Little Star' do Rocco era nos primóridos uma canção composta para Guy Ritchie.

» A canção de 12 minutos, que tomamos ciência é a nossa conhecida 'Nobody Knows Me', considerada exagerada pela própria Madonna.

» O título de trabalho de 'Love Profusion' era 'I Got You Under My Skin', conforme alguns rumores chegaram a noticiar.

» Uma colaboração do duo 'Air' realmente aconteceu, mas por alguma razão desconhecida não foi aproveitada no álbum.

» O processo de composição das músicas pode ter começado com Stuart Price, Monte Pittman e Guy Sigsworth. Mirwais produziu e reescreveu juntamente com Madonna todas as canções existentes.

» 'Can't You See My Mind'
foi registrada e existe de verdade. Rumores garantem que trata-se de uma balada ao melhor estilo 'James Bond'. 'Die Another Day' foi a escolhida por ter o mesmo título do filme de 007.