TV Viva - Alemanha - 2000

Phil: É uma honra tê-la aqui Madonna, Seja Bem Vinda!
Madonna: Obrigada!

Phil: E ai como vão as coisas?
Madonna: Eu estou muito ocupada ultimamente! Eu estou fazendo esta mini-tour pela Europa para promover meu novo álbum e estou me divertindo muito!!!

Phil: Em primeiro lugar parabéns pelo segundo filho, Rocco!
Madonna: Muito obrigada.

Phil: Onde ele está agora?
Madonna: Ele está no hotel.

Phil: Ele está bem?
Madonna: Sim, ele é grande!

Phil: Pressuponho que você gostaria de ter mais tempo com ele?
Madonna: Sim! Nós podemos fazer esta entrevista outro dia?


Phil: Eu realmente estou muito agradecido pela sua presença, tanto que lhe trouxe um presente! [ele lhe dá um par de roupas pequeno de Lederhosen Bávaro original]

Madonna: Isto é para meu filho? Oh, você é muito gentil. Eu espero que seja um Lederhosen. Eu sempre esperei que alguém me desse um Lederhosen e você é alemão, então deve ser um Lederhosen [risos]. Que lindo, é tão atraente! [Ela os segura em frente à máquina fotográfica]. Mas ele precisa crescer bastante pra caber aqui dentro!!

Phil: Sim, ele é um pouquinho grande, mas o estilo é folgado mesmo!.
Madonna: Sim, mas minha filha pode ir usando ele!

Phil: Parabéns pelo novo álbum. Quando eu ouvi a primeira canção "Music", me apaixonei imediatamente, é exatamente o tipo de música que gosto. Combina o passado e o futuro.
Madonna: Sim, Kraftwerk um pouco disso.

Phil: Sim, eu realmente gosto disso! Como você descreveria seu novo álbum ?

Madonna: Eu acho a descrição de combinar o futuro e o passado muito boa, eu sempre tento trazer tanto material pessoal quanto possível, o pelo qual eu estou passando neste momento e o que eu experimentei no passado. Mas você não pode ignorar nosso tempo técnico atual. Eu quis ter som de alta tecnologia e violões acústicos, instrumentos soando realmente naturais. Mais a sabedoria de Mirwais o synthezizer-som dos anos setenta. E há um homenagem a Sarja Gainsbourg. Mirwais foi atrás disto durante um longo tempo e tinha um acervo enorme pra se escolher.

Phil: Por exemplo seu novo single "Don't Tell Me" - que a propósito é uma de minhas canções favoritas do álbum - eu na verdade tenho 5 canções favoritas...
Madonna: Me conte quais são as outras!

Phil: Nobody's Perfect, I Deserve It, Music e Pardise [Not For Me]...
Madonna: Oh, eu amo muito ela...é um Paraíso!

Phil: Eu gosto de "Don't Tell Me" porque é ao mesmo tempo triste e divertida. Qual foi sua intenção para fazer este tipo de canção?
Madonna: Hmmm... você sabe, o que aconteceu é que Mirwais ama esse povo e canções deste país. Mas não só influência do seu lindo País. Eu quero dizer, essencialmente é como uma canção de tocha, ou uma canção de bluess. Eu quero dizer, é amável como Bluess. é uma canção de amor sentimental.

Phil: Sim, soa tão puro, embora você trabalhou com computadores.
Madonna: A coisa é, é mesmo minimalistica. Assim, você não tem que escutar o som, você pode prestar atenção nas letras.

Phil: Nobody's Perfect: Você realmente acha que ninguém é perfeito, por isso o som é distorcido, não é perfeito?
Madonna: Não, quando estávamos trabalhando nela não pensamos nisso!.

Phil: Mirwais é um produtor talentoso. Como você foi trabalhar com ele?
Madonna: Ele enviou uma fita para minha gravadora!. Só sons, nenhuma voz , eu pensei que era tão suave e moderno, que tive imediatamente vontade de trabalhar com ele.

Phil: Descreva como vocês trabalharam juntos?
Madonna: Bem, ele é uma pessoa adorável que sempre senta em frente ao computador - ele é um nerd! [risos] eu não quero soar mau - eu realmente amo Mirwais e ele é uma pessoa muito adorável. Precisamente como William Orbit. Eu gosto de trabalhar com pessoas que são tímidas e extrovertidas, e isso é um equilíbrio bom porque eu sou mesmo extrovertida. Ele era muito tímido e muito quieto e nós tivemos uma barreira de idioma. Eu não falo o francês bem e ele não fala inglês. Mas nós achamos um modo para comunicar e trabalhar junto. Ele tem um humor muito seco da mesma maneira que eu faço! Eu sou muito impaciente e ele ficava sentando muitas horas em frente ao computador. E eu sempre falando: Se apresse, se apresse!!!

Phil: Como era a atmosfera? Você trabalhou só?
Madonna: Primeiro o assistente dele estava no estúdio para traduzir tudo e eu entrava no estúdio e começavai a cantar e isto é ao mesmo tempo estranho e perfeito, e ele me falava o que queria fazer. E o inglês dele não era muito bom, de forma que tudo ficava muito estranho!. Mas no final das contas as criticas dele estavam certas! [risos]

Phil: Eu acho que deve ser muito emocionante lançar um álbum. Como você reage a crítica deles?
Madonna: Tem que ver com muito instinto. Eu estudei os dois Mirwais e William Orbits e vi que poderia lhes mostrar meu lado vulnerável.

Phil: Falemos especificamente de "Paradise (Not For Me)". Toda hora eu ouço esta canção, ela me dá calafrios!. É tão emocionante, eu posso imaginar quase as lágrimas em seus olhos enquanto você canta.
Madonna: Sim, é uma canção muito emocional.


Phil: Em que momento você escreveu esta canção?
Madonna: Bem, eu acho que esta canção é sobre minha relação com a fama e o que ela trouxe de bom e mal pra mim [eu fui no alto e fui a baixo também]. é sobre crescer sobre os olhos de todos. Eu não sei - é estranho. É o paraíso, mas não para mim. Mas por outro lado é.

Phil: As pessoas acreditam que é...
Madonna: Sim, é um paradoxo. Eu canto sobre paraíso mas não quero ser envolvida com isto. Você sabe o que eu quero dizer?

Phil: Sim. E você está cantando em francês. Isso foi idéia de Mirwais?
Madonna: Sim, a idéia foi dele, embora eu escrevi as palavras. Claro que ele estava tirando sarro de mim por causa do modo que eu disse essas palavras. Eventualmente eu tive que fazer várias vezes essas partes.

Phil: "'I Deserve It'" é dedicado obviamente ao "cara" Ritchie.
Madonna: Sim, mas também tem outro significado. Quando eu comecei a escrever a canção, primeiro que eu fiz não pensado na pessoa dele porque você pode chamar um homem de "cara"(guy) . Assim, é gíria mas também o nome dele. Eu espero que as pessoas vejam a canção como elas querem. Elas podem pensar no amor da vida delas - contanto que seja um homem - ou eles podem pensar em um "cara" o Ritchie! [risos]

Phil: Onde você estava quando ele ouviu a canção pela primeira vez?
Madonna: No carro dele. Ele foi tocado e parou pra pensar sobre aquilo..

Phil: E como você sentiu-se?
Madonna: Eu estava muito nervosa. É uma canção muito pessoal. Eu normalmente escrevo canções pessoais mas sempre de um modo muito abstrato assim você realmente não pode entender sobre o qual eu estou cantando. Eu estava nervosa com todas as canções que eu gravei porque eu respeito a opinião dele e eu quis que ele gostasse de meu trabalho.

Phil: Então você mostrou todas as canções pra ele antes de liberá-las?
Madonna: Sim, algumas canções eu abri mão por ele não ter gostado.

Phil: Ele tem uma real influência em você...
Madonna: Sim, ele tem- e eu tenho muita influência também no trabalho dele.

Phil: Você também é dona de uma gravadora grande, Maverick. Você escuta fitas de demonstração principalmente ou você também mantém um olho nos materiais financeiros?
Madonna: Tudo! Eu escuto principalmente quando tiver que contratar ou trabalhar com alguém. Meus empregados sempre me contatam quando eles ouvem algo novo!

Phil: Você conhece todos que trabalham na Maverick?
Madonna: Sim.

Phil: A companhia está no EUA...
Madonna: Sim, na Califórnia. Isso significa muitos e-mails e Expresso Federal. É fácil de dirigir uma companhia, claro que você pode usar computadores e telefone.

Phil: Assim, você é produtora, cantora, atriz e mãe. Sua vida é muito bagunçada?
Madonna: Sim, às vezes. Gratamente eu tenho muitas pessoas que me mantêm organizada! [Respiração profunda!]

Phil: Você poderia descrever um dia em casa?
Madonna: Todo o mundo está me perguntando isto!

Phil: Bem, todo mundo gosta de conhecer isto!
Madonna: Sempre é diferente! Mas se eu estou trabalhando em um álbum eu levanto cedo, tomo uma xícara de café, levo minha filha a escola, fico algum tempo com meu filho, então eu trabalho um pouco no escritório, faço Ioga e entro no estúdio. Trabalho até a noite e volto pra casa, levo minhas crianças pra cama, janto com Guy - e então eu estou morta! Um dia muito ocupado!

Phil: Você sente muito sono?
Madonna: Não, nunca! Eu deixei de dormir muito. Eu sempre durmo em média 5-6 horas. Eu não durmo bastante.

Phil: Se sua filha quisesse seguir seus passos, o que você aconselharia pra ela?
Madonna: Em meus passos? Ela nunca pode pisar em meus passos porque eu sou eu e ela é ela. Você quer dizer se ela quiser se tornar um cantora?

Phil: Sim.
Madonna: Se ela realmente quer se tornar uma cantora eu diria a ela que tem que ter disciplina e muita ambição. Você tem que ter muito respeito para fazer isto.

Phil: Você preferiria que ela fosse uma pessoa normal?
Madonna: Eu acho que o que eu faço é uma coisa normal. Eu quero que ela faça o que tiver vontade, mas ela tem que estar preparada. Para tudo o que for fazer, astronauta, presidente ou uma cantora.

Phil: Você pensa em suas crianças crescendo como um Super Star?
Madonna: Não!

Phil: É uma resposta boa!
Madonna: [risos!]

Phil: Que tipo de mãe você está tentando ser?
Madonna: Eu tento ser equilibrada, ser amorosa e pensativa. Mas eu sou rígida! Quando é hora de dormir é hora de dormir - nenhuma televisão!

Phil: Nenhuma discussão?
Madonna: Tem vez que eles brigam por doces, mas não muito!

Phil: Você está morando em Londres. Onde você quer que suas crianças cresçam?
Madonna: Bem, eu não sei. O Guy e eu ainda não decidimos, talvez na Inglaterra ou América.


Phil: Falando sobre a América: O que você pensa sobre essa eleição Presidencial?
Madonna: É ridículo!

Phil: Muitos celebridades inclusive Kim Basinger e Alec Baldwin estão dizendo que deixarão o país se o Bush ganhar a eleição. O que você pensa disso?
Madonna: Eu votei no democrata, eu não votei no republicano, eu nunca votaria. Embora, nós já tivemos alguns presidentes republicanos que fizeram alguns coisas boas para a América.

Phil: Mudando de assunto: Nós estamos esperando sua apresentações!!
Madonna: Para a Alemanha?

Phil: Sim!
Madonna: Como eu não pude vir para a Alemanha? Eu virei!

Phil: Quando você está vindo em excursão?
Madonna: Próximo verão!

Phil: Como você celebrará o Natal?
Madonna: Com minha família no país ao lado.

Phil: Uma última pergunta: Eu me casei há três semanas atrás...
Madonna: Parabéns! Mas você está usando o anel na mão errada!

Phil: Não, é a mão direita. Por que? Você usa na outra mão na América?
Madonna: Oh freaky! [Madonna fica chocada e quer ver todas as mãos das pessoas no estúdio - ela quase não pode acreditar nisto!]

Phil: Você e Guy estão planejando se casar?
Madonna: Não sei, mas descubra você mesmo!! [risos]

Phil: Ok. Obrigado por falar comigo e com o povo da Alemanha e tudo de bom pra você!